3 de julho de 2016

Considerações alementares

... Talvez seja boa altura para pensares a sério na tua dieta (física, emocional, mental, espiritual...)

Vê bem - vê, não, sente, e pensa nisso - se é nutritiva. Ou se é tóxica. Se te alimenta, sustenta, nutre, apoia, aguenta, e serve. Ou se és comid@ viv@ por aquilo a que dás teu espaço, foco, energia e atenção.

Uma coisa é poder - saber - abrir a boca para pedir, outra coisa é a exigência de uma boca faminta que nunca será saciada.

Uma coisa é ser saudavelmente Alimento, outra coisa é ser comida de tubarão ou piranha.

Uma coisa é uma coisa é uma coisa. Outra coisa é outra coisa e é sempre a mesma coisa *

Discrimina.

E quando estiveres em paz com a dieta, esquece a noção de dieta e faz dela estilo de vida. Até que se mudem os tempos, e as vontades, vontades que não sejam caprichos, e seja necessário ajustar a dieta - o estilo de vida - outra vez.

A vida é momento a momento. E de momento,

É boa ideia pensar no que engolimos: e com que expectativa abrimos a boca, e quanto realmente Alimenta

O processo de Alimentar... Meu caro Watson *

Enviar um comentário