14 de Setembro de 2014

postal



« Sabes por que é que há relações que te custam “tanto”

a “terminar”, não sabes?

Porque às vezes não estás, realmente,

a terminar uma relação com uma pessoa:

estás a terminar uma relação com um Arquétipo.

E, com esse luto, a criar um novo Arquétipo em teu próprio Ser.

A recriares-Te *


13 de Setembro de 2014

mumukshutva





Mumukshutva é o intenso desejo de libertação. Uma mente equilibrada é difícil de alcançar, mas o sucesso acontece aos que ousam e agem; raramente acontece aos tímidos. É essencial um desejo intenso e sincero. A vida espiritual é uma luta contínua contra os aspectos inferiores da nossa própria natureza.

12 de Setembro de 2014

Webinar Lua Astrológica: na Memória, no Mapa, e na Vida



como podemos aplicar tudo o que já aprendemos sobre o simbolismo da Lua Astrológica

de uma forma prática, mas geradora de insights profundos,

e usar este conhecimento para curar

e reconectar

partes de nós

integrar e pôr ao serviço da Consciência a sua companheira polar
a Lua que se esconde, mesmo estando à mostra no nosso Mapa Natal ?

Marte em Sagitário



aviso à navegação *

durante o fim-de-semana (14 setembro 2014),
Marte sai de Escorpião e entra em Sagitário

(as boas notícias, quando um planeta muda de signo - especialmente um como Marte, e há quem diga Saturno -, é que sai do signo onde estava. As más notícias é que ingressa inevitavelmente noutro

11 de Setembro de 2014

Astrologia da Escolha Iluminada




podemos fazer muito mais em nome da Vida, e com a Astrologia, do que antecipar, conhecer, “saber” (ou imaginar que sabemos), controlar, justificar, prever, racionalizar, projectar, manipular, julgar, rotular, e por todas as outras formas defendermo-nos da Vida: podemos Vivê-la (de preferência, com Consciência) - e até co-Criá-la * 

como Curar o Mundo





... e se te perguntasses como podes aproveitar conscientemente a (tua) energia, expandindo a tua consciência e transformando (curando?) o mundo a partir da tua própria consciência, e se mo perguntasses a mim também, e se ainda escolhesses – em cima disto – estar receptivo a uma resposta possível,

eu oferecer-te-ia a minha resposta. Resposta e método. E dir-te-ia para fazeres assim:



Vais na rua.


1 de Setembro de 2014

tabela de regentes



encontra nesta tabela os Planetas Regentes dos Signos. Por favor observe que alguns Signos (Escorpião, Aquário e Peixes) têm 2 Regentes, sendo indicado primeiro o regente tradicional e em segundo lugar o regente moderno.

Admirável Mundo Novo pt.1


A chegada de Plutão a Capricórnio, no final de 2008, foi a primeira das ondas de choque e veio anunciar a transformação que começaria a desenhar-se, lenta, mas irreversivelmente, no horizonte comum: a crise dos sistemas económicos, financeiros, sociais e políticos actuais, que não promovem nem permitem a evolução para uma humanidade mais justa e fraterna.

Admirável Mundo Novo pt.2



Como já foi referido, a entrada de Plutão em Capricórnio, em novembro de 2008, marcou o “início” de uma crise anunciada, a dos sistemas e estruturas colectivas e sociais que são a base do nosso mundo – e,  consequentemente, todas as estruturas sociais, empresariais, e políticas – num processo de reestruturação que ainda demorará mais alguns anos.

29 de Agosto de 2014

Lua Nova de Virgem - 25 de Agosto 2014

... e pronto, é isto: o Sol ingressou em Virgem e daqui a nada a Lua faz-lhe conjunção, assinalando a Lua Nova anual no signo do "get busy": faz algo de útil, no seu melhor; pre_ocupa-te, simples_mente, - fia-te na Virgem -¨e deixa-te estar enquanto as merdin**s s'acumulam

assim começa a semana, e com ela, novo ciclo

17 de Julho de 2014

Webinar: Princípios de Delineação e Interpretação


Webinar "Princípios de Delineação e Interpretação"

Existem muitas maneiras diferentes de interpretar um Mapa Astrológico, métodos, abordagens e procedimentos. Idealmente, cada astrólogo terá desenvolvido o seu próprio a partir da sua prática e da sua experiência.


15 de Maio de 2014

a chegada (a ponta delgada)



providências, atrasos e interstícios à parte, e já (quase, praticamente) "aterrado" nesta pérola atlântica, belo reflexo do Céu em forma de terra (but then again, what else is new? - não era o Jung que apanhava pedras do chão porque o lembravam do céu? Eu também já apanhei muitas pedras, na expectativa de encontrar o Céu... aos dezassete anos, por exemplo, ia para o Bairro Alto sozinho, ao fim-de-semana à noite, escrever e procurar deus no fundo de copos de absinto... nunca o encontrei, pelo menos na forma em que o buscava, e hoje reconheço que sempre lá esteve - mesmo quando eu não estive - mas isso é outro assunto. Não fica para uma lição... fica para uma auto-biografia não autorizada ahahahah)